Blog da Tetê

por Tetê Proba

Tag: momento pet

Momento Pet

Não é novidade que a presença dos animais de estimação tem o poder de nos proporcionar alegria e qualidade de vida por meio de brincadeiras, descontração e muito amor e carinho.

Aliás, atualmente, médicos especialistas indicam o contato de crianças e idosos com esses bichinhos a fim de proporcionar inúmeros estímulos físicos, psíquicos e sociais.

Entre os benefícios citados pelos profissionais da saúde podemos mencionar, por exemplo, que crianças que crescem com animais desde pequenas têm menos chance de adquirir alergias e problemas respiratórios no futuro.

Do ponto de vista social e emocional, um animal de estimação pode ainda ser uma importante ferramenta para os exercícios afetivos diários que uma criança deve realizar.

As noções de ética e de responsabilidade também podem ser trabalhadas desde cedo ao ver os adultos cuidando e interagindo com os pets, além de ser um importante estímulo e contribuir significativamente para o desenvolvimento cognitivo da criança.

Com os idosos, a presença de um animalzinho  traz diversas experiências bastante importantes para o aumento da expectativa de vida.

Além de ser uma motivação para realizar atividades físicas (como levar o animalzinho para um passeio), o bicho pode ser uma excelente companhia, contribuindo assim para evitar o sentimento de isolamento e solidão que, muitas vezes, acometem a várias pessoas idosas.

Os momentos de brincadeira e descontração com os pets podem  melhorar o humor, aumentar a sensação de bem-estar. Ou seja, esses bichinhos podem se tornar verdadeiros remédios com o poder de tornar a vida de muitas pessoas bem mais feliz e saudável. Só notícia boa, né?

 

Momento Pet

Um estudo realizado por pesquisadores nos Estados Unidos sugeriu o que muitos apaixonados por cachorros já sabiam: os cachorros conseguem decifrar pistas emocionais para identificar o estado de humor de seus donos. Isto mesmo! Eles percebem quando você está feliz. E também sabem a hora certa de se aconchegar a você no sofá depois de um dia difícil.

 

Momento Pet

Para você que ama o seu animalzinho de estimação e quer vê-lo sempre saudável e feliz, eu tenho aqui algumas dicas que devem ser levadas em conta.

Vamos começar falando de amor, seja amoroso com seu bichinho.

Isso não parece ser tão difícil, mas no dia-a-dia com uma agenda agitada pode ser deixado para trás.

Reserve pelo menos alguns minutos todos os dias para simplesmente dar carinho ao seu pet . Você logo vai perceber que o olhar dele fica diferente.

Reserve um tempinho para levar o seu cachorro para uma atividade física, eles precisam correr, pular à vontade.

Tenha cuidado de não deixar a água no prato por vário dias, nessa água pode acumular sujeira e gordura, ela fica parada, e pode se tornar um local visitado por insetos. A água deve estar sempre fresquinha.

Dê ao seu cão uma alimentação de qualidade, é preciso que tenha um bom valor nutritivo e proteínas.

Se você estiver comendo na mesa nunca dê comida ao animal. Porque ele pode se acostumar e pedir cada vez que você for fazer as refeições.

Estas são algumas dicas básicas de como você pode melhorar a qualidade de vida de seu pet.

 

Dicas para cuidar do seu Pet

Que os cachorros são grandes companheiros a gente já sabe. O que não imaginamos é que muitas das coisas que fazemos deixa eles irritados.

Segundo especialistas 90% dos cachorros não gostam que lhe toque na cauda.

Sabe quando aparece alguma visita na sua casa e você quer mostrar a ela como seu cão fica feliz ao falar em passear? Os pets  interpretam isso como uma provocação, como se você estivesse prometendo algo e não cumprindo.

Muitos cães não têm problema algum quando você recebe um amigo. Eles até chegam a fazer amizade e brincar. Mas quando seu amigo leva um cão junto, a coisa muda de figura. Cachorros são territoriais e a presença de outro animal (que ele não conhece) é sinônimo de estresse.

Colocar a caixa de som no último volume é nocivo para seu cão. A audição de cães é muito mais sensível que a dos humanos eles podem escutar quatro vezes mais que a gente. Por isso, é normal que os peludos fiquem irritados, com dor de cabeça, quando o som está alto.

Se audição sensível não combina com barulho excessivo, imagina então o que representam os fogos de artifícios para os ouvidos caninos? Além da irritação, eles sentem dor, alta salivação. De tão nervosos, eles começam a uivar e podem até ter uma convulsão.

Você e seus amigos  costumam a falar alto  quando assistem jogo de futebol em sua casa? Pois saiba que os pets  entendem os gritos como problema, como se vocês estivesse irritados. Por isso, muitos correm assustados ou latem quando elevamos a voz.

Você deixa seu cãozinho subir no sofá, e  quando chegam visitas você proíbe? Essa maneira de agir deixa o seu cãozinho perdido e um pouco irritado.

Achei essas dicas de especialistas interessantes, que tal coloca-las em prática no seu relacionamento com seu cão no dia a dia, afinal eles merecem todo cuidado e carinho.

 

Momento pet

Um estudo realizado por pesquisadores nos Estados Unidos sugeriu o que muitos apaixonados por cachorros já sabiam: os cachorros conseguem decifrar pistas emocionais para identificar o estado de humor de seus donos. Isto mesmo! Eles percebem quando você está feliz. E também sabem a hora certa de se aconchegar a você no sofá depois de um dia difícil.

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén